O lado humano de Van Dijk em um pequeno gesto com o árbitro

Após fazer o gol de empate e da classificação de seu país na Liga das Nações, o zagueiro Virgil van Dijk teve um gesto pequeno, mas de uma tocante compaixão. Após o término da partida entre Alemanha e Holanda (2 a 2), o defensor holandês se dirigiu até o árbitro do jogo, mas não para cobrar, ou simplesmente para um protocolar comprimento, Van Dijk foi abraçar o emocionado juiz.

O árbitro romeno Ovidiu Hategan soube pouco antes do jogo que sua mãe havia falecido, mas, mesmo assim, pediu para apitar o confronto normalmente. Somente após o final da partida, Hategan não conseguiu segurar as lágrimas e chorou, ainda no gramado. Fazendo algo raro, mas importante de ser visto, o zagueiro da Holanda mostrou seu lado humano e foi consolar o juiz.

Aquele homem ficou com lágrimas nos olhos porque acabara de perder a mãe. Desejei-lhe força e disse que ele havia arbitrado bem. É uma coisa pequena, mas espero que tenha ajudado”, disse Van Dijk.

Com o resultado da partida, a Holanda avançou para o “Final Four” e disputará as semifinais da Liga das Nações. Porém, o gesto do zagueiro do Liverpool quebrou o protocolo e mostrou que é possível vermos sensibilidade e o lado humano dos atletas.

Anúncios

Um comentário em “O lado humano de Van Dijk em um pequeno gesto com o árbitro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s